Critica: Vingadores: Ultimato é um final inacreditável

Essa critica não contém spoliers do filme
Foto: Marvel Studios/DivulgaçãoVingadores: Ultimato

Um final inacreditável

Se você que está lendo este texto acreditou por um momento que Marvel tinha atingido seu ápice com Guerra Infinita e que Ultimato seria apenas um desfecho da história, lhe garanto que a Marvel, ultrapassou suas barreiras com o vigésimo segundo filme do seu Universo Cinematográfico.

Os irmãos Russo, conseguiram fazer algo ainda melhor do que Guerra Infinita. Os diretores alcançaram seu objetivo, entregando um filme que ao mesmo tempo encerra um período de dez anos da casa das ideias no cinema e também conseguiram abrir novas portas para serem exploradas nos próximos anos.

Como todos sabem este também foi o fim do ciclo de alguns atores como: Robert Downey Jr. e Cris Evans. E o arco dos dois personagens interpretados pelos atores (Homem de Ferro e Capitão America) respectivamente, é bem desenvolvido e concluído de maneira surpreendente.

Para não estragar sua experiência ao assistir Ultimato, caro leitor, encerro este texto com nota 10 para o longa e uma frase que me marcou bastante, “Parte da jornada é o fim”.

Saiba mais sobre:

Gostou? Compartilhe!

MAIS NA WEB